• Revista Maxxi

Amor Exigente de Matão celebra primeira década e inúmeras conquistas


Na noite de segunda-feira (21), o prefeito Cido Ferrari participou da solenidade em comemoração aos 10 anos da ONG Amor-Exigente de Matão (AMEM). O evento realizado na sede da OAB-Matão, aconteceu durante uma das reuniões entre voluntários, familiares atendidos e demais convidados.


Em seu discurso, o prefeito Cido Ferrari enfatizou a importância deste grupo como apoio à sociedade. “Através do trabalho voluntário, este grupo que tem muita credibilidade e responsabilidade social, pois consegue transformar e levar esperança às famílias das pessoas que sofrem com a dependência química e outros transtornos. Parabenizo a todos evolvidos que, mesmo diante dos desafios, reconhecem as necessidades do próximo e acolhem estas pessoas por amor e na certeza desta missão de salvar vidas”, disse o prefeito Cido Ferrari.


Desde 1984, a ONG Amor-Exigente (AE) atua como apoio e orientação aos familiares de dependentes químicos e às pessoas com comportamentos inadequados. Através de um eficiente programa de auto e mútua ajuda, ele desenvolve preceitos para a reorganização familiar, sensibilizando as pessoas e levando-as a perceber a necessidade de mudar o rumo de suas vidas a partir de si mesmas, proporcionando equilíbrio e melhor qualidade de vida.


Em Matão, o grupo começou a ser criado em 2011, por ocasião de uma das edições do fórum sobre conscientização do uso e abuso do álcool e outras drogas. Na época, Valci Silva, escritor, psicólogo, palestrante, de Tupã, mais Maria Lúcia Gil estiveram presentes nesta sensibilização em Matão. Foi quando os voluntários e fundadores do Amor Exigente de Matão, Wagner Galdino, Silvia Siqueira, Eliana Pereira, Paula Carniello e outros voluntários, começaram a estudar sobre o trabalho desenvolvido por esta organização.


No próximo ano, em 15 de fevereiro de 2012, acontecia a primeira reunião de acolhimento em Matão, composta por trabalhos orientativos e ações preventivos quanto à dependência química e o uso e abuso de álcool. Neste tempo, são mais de 9 mil acolhimentos realizados em Matão.


Após quase dois anos em atividades online, recentemente, os encontros presenciais voltaram a acontecer todas as segundas-feiras, das 20h às 22h00, no Centro de Convivência do Idoso (CCI), localizado na Rua Philomena Ciorlino, 250, no Monte Carlo.


Fonte: Assessoria de Imprensa da Prefeitura