• Revista Maxxi

Goleiro carrega adversário lesionado no colo e a torcida vibra


Definitivamente, não é só futebol. Esta cena de empatia e atitude do goleiro carregando o adversário lesionado no colo é comovente e digna de aplausos. A ação linda e inusitada aconteceu esta semana na estreia do Campeonato Alagoano 2022, na partida entre CSA e Aliança.


No final do primeiro tempo, o atacante Clayton sentiu uma lesão no joelho esquerdo e a equipe médica cuidava de um outro jogador que também estava machucado.


Foi aí que entrou em ação o goleiro Flávio, que resolveu ajudar com os próprios braços, já que o carrinho-maca não havia sido acionado e Clayton gritava de dor. Ele simplesmente levantou o adversário no colo e o levou até o banco de reservas de sua equipe, para receber tratamento a equipe médica.


“Eu vi ele gritando, chamando atenção do maqueiro, e o maqueiro falou que não podia entrar. Aí eu fui lá, perguntei se ele queria ajuda, ele falou que queria, porque não estava conseguindo andar, estava sentindo muita dor”, contou o goleiro Flávio.


Gratidão


Passada a agonia, o atacante Clayton agradeceu ao colega do time adversário.

“O Clayton me agradeceu, de verdade, disse que Deus me abençoasse, que notou que tenho um coração bom… Espero que ele esteja bem e que não tenha acontecido nada de ruim com ele”, contou o goleiro que ovacionado pela torcida pela atitude.


O atacante será reavaliado pelo departamento médico do CSA nesta sexta-feira e pode desfalcar o clube contra o Sousa, da Paraíba, pela Copa do Nordeste, às 18h30 do domingo.


Fair play


O que o goleiro Flávio fez é chamado de fair play, uma filosofia que prima pela conduta ética nos esportes.


A expressão nasceu em 1896, durante as primeiras Olimpíadas da Era Moderna, em Atenas.


E um detalhe, o goleiro Flávio era da equipe visitante. O atacante Clayton jogava em casa, no Estádio Rei Pelé.


A torcida aplaudiu muito a atitude de empatia e a cena dos dois em campo vai ficar para a história do futebol brasileiro.


Fonte: Só Notícia Boa/Com informações do GE

- Foto: Reprodução FAFTV/Eleven