• Revista Maxxi

Inscrições para o 12º Festival Fronteiras terminam nesta semana


Estão abertas, até o dia 29 de abril, as inscrições para o Festival Internacional de Arte-Educação - 12º Festival Fronteiras. O Festival que promove a troca de conhecimentos entre artistas /arte-educadores nacionais e internacionais, através de atividades culturais junto à comunidade é realizado pela ONG Ocara e produzido pela Cia. Labirinto e conta com a parceria da Prefeitura de Matão, através da Casa da Cultura. As inscrições podem ser feitas através do endereço eletrônico https://bit.ly/3vcQPSE


“Este Festival comprova a importância do nosso município em ações que impulsionam movimentos artísticos que fortaleçam a cultura brasileira. Com este propósito, Matão se destaca, pois aqui temos um grande potencial de artistas e talentos que despertam o interesse de outras nações. Eles vêm para este intercâmbio agregar com seu conhecimento e, principalmente, vivenciar novas experiências em nosso país, reconhecido por sua diversidade cultural. O melhor de tudo isso é o retorno para a sociedade matonense que participa desta construção da arte-educativa, por meio de variadas vertentes”, destacou o prefeito Cido Ferrari.


Durante o mês de julho, os participantes de diferentes linguagens, gêneros e etnias, oriundos de diferentes países latino-americanos, residirão na Casa PIPA, junto aos provocadores convidados e da Cia. Labirinto, para desenvolverem processos criativos colaborativos e trocas de experiências com a comunidade local, via abordagem do pensamento e prática horizontal, ideário impulsionado pelo artista pluridisciplinar Khsoro Adibi.


“O Fronteiras Brasil faz parte da identidade da cidade de Matão. Festival e espaços potencialmente reconhecidos de formação cultural, foram amadurecendo juntos, além de claro, arte-educadores locais, nacionais e internacionais que desde 2009 tomam a força transformadora do Fronteiras como experiência que carregam para sempre em suas práticas. Com o tempo, surgiu a VOA que fez com que o encontro se desdobrasse em mais ações artísticas, em uma grande e festiva residência na Casa PIPA. Com esse encontro tão plural anualmente acontecendo na cidade há mais de uma década, vamos tecendo campos cada vez mais expandidos para a responsabilidade social, via arte e educação” enfatiza o diretor da Casa Cultura, Juliano Jacopini.


As atividades estão programadas para acontecer, simultaneamente, ao VOA (Vivência Horizontal em Arte), entre 03 de julho a 31 de Julho, na Casa Pipa (Plataforma Internacional de Produção Artística). Para esta edição serão 14 vagas, sendo 07 vagas para artistas brasileiros e 07 (sete) vagas para artistas não brasileiros. Podem participar artistas e arte-educadores com idades acima de 18 anos.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Prefeitura